Voz do Irã poderá deixar de transmitir em ondas curtas

Share on Facebook0Tweet about this on TwitterShare on Google+0Pin on Pinterest0Email this to someonePrint this page
– Informações desencontradas dão conta de que a Voz da República Islâmica do Irã poderá deixar o mundo das ondas curtas. Enquanto isso, você ainda pode captar a emissora que emite em espanhol. Tome nota do esquema de emissões! Entre 0020 e 0320, transmite em 9550 kHz; entre 0520 e 0620, no Tempo Universal, pode ser monitorada em 15430 e 17530 kHz; entre 0720 e 0820, emite em 17815 kHz; das 1020 às 1050, em 17630 e 21610 kHz; por fim, entre 2020 e 2120, no TU, em 9665 kHz.
– Em Samambaia (DF), Wesley Moreira destaca que já faz algum tempo que as Rádios Inconfidência, de Belo Horizonte (MG), e Nacional da Amazônia, de Brasília (DF), estão inativas na faixa de 49 metros. A Inconfidência está fora do ar em 6010 kHz e a Nacional em 6180 kHz.

– Confira os horários e frequências em que a Rádio Taiwan Internacional transmite em espanhol: entre 0000 e 0100, no TU, em 11530 kHz; das 0300 às 0400, no TU, em 5985 kHz.

– A Rádio Internacional da China é uma das emissoras internacionais de ondas curtas que mais valorizam o idioma português. A estação chinesa possui diversos horários em que é escutada no nosso idioma. Confira alguns deles: entre 2200 e 2300, no TU, em 9410 e 9685 kHz; das 2300 às 0000, em 9560 e 13650 kHz; também entre 0000 e 0100, no TU, em 9560 e 9710 kHz.

Começou a ouvir rádio ainda garoto e nunca mais se desligou dele. Na década de 1980 descobriu as emissões internacionais em ondas curtas. Trabalhou nas rádios Felusp FM e Gaúcha de Porto Alegre. É autor do livro O que é o Rádio em Ondas Curtas e participa de programas de ondas curtas das rádios Aparecida, Transmundial e Caros Ouvintes. –

2 comentários em “Voz do Irã poderá deixar de transmitir em ondas curtas”

  1. Celio disse:

    Olá, Reynaldo! Em relação à Inglaterra, a BBC de Londres tinha uma antena repetidora localizada numa ilha do Oceano Atlântico (Ascensão).

  2. É incrível a história e a importância das ondas curtas, pq além da utilidade ainda unia os povos distantes. Porém curiosidade em saber sobre a propagação entre países equidistantes,,,,,,necessita – se por exemplo entre Inglaterra e Brasil uma antena aqui como repetidora do sinal, para que este sinal chegue no radio ???

Deixe uma resposta