Bandeirantes e Nacional da Amazônia inativas

Share on Facebook0Tweet about this on TwitterShare on Google+0Pin on Pinterest0Email this to someonePrint this page

ATUALIZADO APÓS FÉRIAS

– Lembramos que duas emissoras que transmitem em espanhol possuem boa sintonia aqui no Brasil. A KBS World Rádio, da Coréia do Sul, possui excelente sintonia às 0100, no TU, em 9605 kHz. Já a Voz da Turquia pode ser captada, às 0200, no TU, em 9410 e 9650 kHz.

– Em Muriaé (MG), Léo Mattos informa que é regular, em sua cidade, a sintonia da Super Rede Boa Vontade de Rádios, que transmite desde Porto Alegre (RS), em 9550 kHz. Em 16 de abril, ele captou a emissora que transmitia palestra de José de Paiva Netto. A Rede Super Boa Vontade de Rádio pertence à Legião da Boa Vontade, cuja liderança é de José de Paiva Neto.

– Desde Magé (RJ), Francisco Jackson destaca a boa sintonia da Rádio RB2, que emite desde Curitiba (PR), pela frequência de 6040 kHz. Em 17 de abril ele captou a emissora por volta de 1245, no TU. Um dia depois, ele monitorou a Rádio Brasil Central, de Goiânia (GO), em 11815 kHz, na faixa de 25 metros, com ótimo sinal. Por último, em 13 de abril, o Francisco Jackson sintonizou a Rádio Gaúcha, de Porto Alegre (RS), em 11915 kHz, por volta de 1439, no TU, quando ia ao ar o programa jornalístico Chamada Geral.

– E desde Pontes e Lacerda (MT), José Moacir Portera de Melo destaca que duas importantes emissoras brasileiras estão inativas em ondas curtas: a Nacional da Amazônia, de Brasília (DF); e a Bandeirantes, de São Paulo (SP). Tal ocorre já há algum tempo, o que é uma lástima!

Começou a ouvir rádio ainda garoto e nunca mais se desligou dele. Na década de 1980 descobriu as emissões internacionais em ondas curtas. Trabalhou nas rádios Felusp FM e Gaúcha de Porto Alegre. É autor do livro O que é o Rádio em Ondas Curtas e participa de programas de ondas curtas das rádios Aparecida, Transmundial e Caros Ouvintes. –

2 comentários em “Bandeirantes e Nacional da Amazônia inativas”

  1. Edu Cesar disse:

    Um adendo ao registro sobre a Bandeirantes de São Paulo: parece que, infelizmente, as ondas curtas não voltam mais. Hoje de madrugada (domingo, 23 de julho de 2017, às 4 horas), colocaram uma nova versão da vinheta de prefixos e seguem mantidas as menções ao canal AM (840 khz), ao canal FM (90,9 mhz) e ao site da emissora, mas não tem mais a citação aos canais de ondas curtas e seus prefixos, no lugar delas sendo destacado o aplicativo Band Rádios. É a mesma vinheta de prefixo que roda há anos no fim de um programa e começo de outro, mas com locutor diferente e com a substituição dos três canais de ondas curtas pela citação ao aplicativo. Fim de uma era, o que particularmente me aborrece ainda mais, já que foi pelas curtas que escutei a Bandeirantes de São Paulo do fim de 1998 até meados de 2002, quando passei a ter acesso à internet. 🙁

  2. Alex Costa disse:

    03/07/2017

    Neste mês, se completará 90 dias que a rádio Bandeirantes SP
    desativou seus três emissores de ondas curtas em seu parque
    técnico no início da via Anchieta. Ainda assim, ela continua anunciando seus prefixos em sua grade sem dar explicação.
    Ontem, ela diminuiu a potência do emissor de AM, provavelmente
    para testes do sinal digital. É que o sinal dos 90,9 fm não é lá essas
    coisas por aqui onde moro na região de Guaianazes, uma vez que
    ela é dirigida para o litoral Central do estado – baixada santista.
    Como diria Celio Romais..
    É UMA LAAAAAASSSSSSTTTTIIIMMMMAAAAAA!!!!!!!!!

Deixe uma resposta